22/09/2009


Já me tinha perguntado porque razão tinha umbigo e na altura eu respondi-lhe que era um tubinho que o tinha ligado a mim quando era muito muito pequenino e estava dentro da minha barriga. Claro que de seguida fez as comparações normais " então a mãe teve um tubinho para a avó" ao que assenti ficando com a sensação que o tema tinha ficado resolvido.


Na semana passada resolveu voltar ao tema e pergunta: "Mãe, o meu tubinho ligava á mãe como?" Lá lhe expliquei que quando estava dentro da minha barriga o tubinho o ligava a mim e servia para ele se alimentar.

Ele fica a pensar e diz: pois...eu estive aí dentro da barriga, não foi? Expliquei que sim, quando era mais pequenino e ele pergunta: Mais pequenino quanto ? (pondo as mãos uma em frente da outra esperando que eu lhe dissesse o tamanho). Muito muito pequenino, Luís, tão pequenino como uma semente. e depois foste crescendo, crescendo, saíste da barriga da mãe e se reparares continuas a crescer pois agora já chegas aos botões do elevador e dantes não conseguias.

E ele então pergunta: e como é que entrei aí para dentro? Eu rapidamente a tentar pensar numa resposta que fosse simples, e acessível á sua idade enquanto ouvia o riso paterno vindo da cozinha e o Luís volta á carga: ó mãe, a mãe engoliu-me???
Fui salva do silêncio de pânico pelo meu telemóvel que tocou e fez com que o Luís se levantasse de um salto para o ir buscar :)

ps - aceitam-se sugestões para uma explicação acessível de como foi lá parar :P
ps1 - a ter em conta na explicação os seus quase 4 anos :)

7 comentários:

CPrice disse...

.. eu passei por isso. Passei mesmo. Ela ficou bem, sem traumas de maior .. eu ainda não sei se sobrevivi à questão .. (lol .. brincadeira tola .. )

Já te mando como foi .. tendo em consideração que tenho uma Lady, pode ser que ajude.

Beijos
(delicia de texto este) ;)

paulofski disse...

Que ternura. A tua explicação terá de ser a mais natural e simples que lhe puderes dar. Certamente a entenderá. Este livro que guardei da minha infância ajudou-me bastante quando tive de responder às dúvidas do meu filho. Se quiseres empresto-te.

Beijinho

Gi disse...

Já te contei histórias do meu mais novo, não foi? Pois o meu tinha 2 para 3 anos e tive que lhe contar a verdade ... por palavras simples mas mesmo a verdade. ;)

avogi disse...

Engraçado! Todos passam por isso. O meu filho também saíu-se com essa. Dise-me ao ver um bebé acabado de nascer: Bem...isto já entendi... agora só falta saber como entrou.

liamaral disse...

Desculpa, adorava ajudar-te mas... ah... portanto... assim de repente...ah... Não tenho filhos!!!!
:) Beijinho

francis disse...

muito bom.

Ka disse...

Caros amigos,

Tenho a certeza absoluta que voltaremos brevemente ao tema até porque este fim-de-semana lhe fez alguma confusão perceber que houve um tempo em que ele não existia ainda e os pais eram também crianças :)

Beijinhos