27/11/2008

Um momento agradável

Há dias em que nada sabe melhor do que entrar numa sala de cinema deixando à porta todas as coisas que nos ocupam a cabeça e o coração, e apreciarmos um filme.
A escolha de ontem recaiu sobre "Mama's Boy" uma divertida e despretensiosa comédia com Diane Keaton, Jon Heder, Jeff daniels e Ann Harris.

Jeffrey tem 29 anos, ainda mora com a mãe, Jan, e não vê razão alguma para mudar esse mundo perfeito em que vive. Mas a sua existência é perturbada quando Jan conhece Mert e este começa a invadir o seu território, algo que não pode ser tolerado. À medida que a guerra entre Mert e Jeffrey aumenta, algo inimaginável acontece: com um misto de surpresa e horror, Jeffrey descobre que há um adulto dentro de si! Fonte

"you have to figth for the rigth of never grow up" é a frase que melhor resume o filme. Uma comédia gira, leve, com classe e sem a piada fácil típica das comédias americanas. Uma das coisas boas com que somos presenteamos ao longo do filme é a música. Temos oportunidade de ouvir The smiths, Generation X, The proclaimers, The Jam entre outros.

Para quem quer relaxar e passar uma hora e meia divertida esta é uma boa sugestão!

10 comentários:

mr_rabbit disse...

a unica coisa que não consigo deixar a porta é o soninho...
numa das ultimas vezes que fui ao cinema adormeci(o que não é novidade)e acordei com practicamente todos na sala a olhar para mim...estaria a resonar??
um beijinho

paulofski disse...

É mais um menino da mamã, que não sabe ou não quer crescer independente. Será que a mamã dele se importa?

Adoro este tipo de comédias, quotidianas e desprewtensiosas. A banda sonora parece interessante.

Brrrr.... ai que frrrrio!

Beijinho

ines disse...

Registada a sugestão, para uma altura em que não adormeça ao fim de 2/3 minutos a olhar para qualquer ecran perto de mim!!!

Um xicoração grande

Paulo Cunha Porto disse...

Ainda hoje li os resultados de um "daqueles" inquéritos, que diz que somos dos Povos europeus, o que mais tarde larga a casa dos pais, apesar de sermos também dos que começam a trabalhar mais cedinho. Com a atomização paternal combinada com este dado, decerto cairá o filme nao goto de muitos compatriotas nossos.
Beijinho, Querida Ka

Ka disse...

Mr Rabbitt,

Um cafézito antes não resulta???


Beijinhos ao trio :)

Ka disse...

Paulofski,

Não é apenas mais um, é O menino da mamã :P

Beijinhos

ps - se fores para o sol está uma maravilha!!!

Ka disse...

Inês,

2 ou 3 cafés não resultam?!?!!?

Beijoca grande

Ka disse...

Querido Paulo,

Não será do agrado de muitos com toda a certeza...hehe

Beijinho

Margarida Pereira disse...

Como consegues ir ao cinema!?
... eu cá é vídeo e olha lá...
ai!

Ka disse...

Margarida,

Consigo...por agora consigo :P

Mas o vídeo também não dispenso!!!