09/02/2008

T.P.C.


Esta semana têm de dizer qual a vossa definição de atracção (por alguém obviamente...lol)

Estão a ver?...Simples como sempre, não é?

18 comentários:

Maria P. disse...

Simples?!!!
Ok eu respondo:
Atracção por alguém é viver em perigo constante, naquele ponto onde os sentidos perdem o norte e o sul...fica a emoção...

:)Beijinho*

O Profeta disse...

Nesta baía
Quando chega ao fim do dia
As pedras dormem com o mar
Quando vem a calmaria



Bom fim de semana


Mágico beijo

Meg disse...

Minha querida KA,

É "atracção" que se trata, não?

É um estado de debilidade, da mente (não estou a falar de debilidade mental... eheh), do coração, dos sentidos, olha é um estado de "aparvalhamento" total - acabo de inventar a palavra.

Não sei se serve mas não me ocorre mais nada.

Um grande abraço

LB disse...

Bem, nunca mais daqui saía... :)

Beijinho

Leonor disse...

aaaaaaaahhhhhhhhhh
desisto, são demasiadas coisas.
sem definição, portanto

Marco Ferreira disse...

Atração é simplesmente quando não conseguimos desviar o olhar por um segundo, mesmo com o nosso cérebro a dizer "tira, tira".

Bom fim de semana

marinheiroaguadoce a navegar

Paula Crespo disse...

Empatia. Afinidade. E um brilhozinho nos olhos...

Gi disse...

Sendo também uma causa da gravidade só pode ser ficar "caído", puxado. Pelo olhar, pelo sorriso, pelos interesses em comum, tanta coisa. Sente-se, não se diz :)

Beijinhos (eu com tanto que fazer e tu a deixares T.P.C.)

Ka disse...

Caros Amigos,

Boas definições (para quem não se escapou...lol), obrigada por participarem!

Para mim é simples...

é quando faz faísca logo num primeiro contacto!

Beijinhos e resto de bom domingo

Blue Velvet disse...

Ai, um TPC...
Hoje...
Atracção?
É uma química inexplicável, porque o outro ainda mal falou;
É pele, inexplicável, porque o outro nem nos tocou.
É tanta coisa...mas muito inexplicável.
Beijinhos, amiga

Jotabê disse...

Cá para mim, acho que ‘atracção’ e ‘paixão’ são duas palavras que já foram uma só, qualquer coisa como, ‘atrapaixação’, e só um outro grande palavrão, a ‘testosterona’, fez a sua separação, mais ou menos como os movimentos tectónicos, para a separação dos continentes, americano, europeu e africano, pelo menos para aquela teoria.

Ou isto, ou uma questão de parentalidade*, mas daquelas mesmo muito directas.

Claro que isto é coisa antiga, coisa de tempos onde o homem ainda comunicava entre si através de sons esquisitos, e onde, obviamente, cabia a palavra atrapaixação.

Se houvesse um dicionário da época, ele estaria redigido num dólmen, e faria referência, em relação a este substantivo, a qualquer coisa deste género:
Atrapaixação [tr’n] s. coisa de se querer.

A atracção de hoje em dia, não é mais que um apaixonado armado em esquisito, e até aqui a esquisitice é um paralelismo com o seu homónimo ancestral, interessante de observar.

Antigamente um atrapaixaçãozado, manifestava claramente esse sentimento, seduzia e conquistava, (estes termos provavelmente também não seriam pronunciados desta forma, mas isso é tema para ser abordado noutra altura), e vivia a atrapaixação de uma forma plena e sem cpmplexos.

Hoje em dia, “ai e tal, estou atraído pela aquela mente”, os mais parvos ainda, “epa aquela personalidade atrai-me de tal forma que…”, ou então, “esses teus olhos azuis são tão atraentes”, esta então valha-me Deus, apesar dos mais práticos, “chiça, sinto-me mesmo atraído por aquele corpo!”, enfim, coisas completamente parvas de tempos modernos!

Isto é tudo gente que levou com a respectiva injecção química, o organismo coitado reage a preceito, mas as paranóias que se têm dentro da cabeça frustram o curso normal da natureza, e é por isso também, que as paixões são tão violentas, porque se anda na maioria das vezes a engonhar com atraçãozinhas patéticas.

E ainda faltam as atracções entre pessoas do mesmo sexo, e é aí precisamente que a testosterona entra em cena, porque dependendo dum maior ou menor estímulo da glândula, obviamente redundava naturalmente numa atrapaixação homo. Mas não, os preconceitos invariavelmente atiram-nos para os inevitáveis, “ai, aquele meu amigo tem uma personalidade tããããooo atraente!!” Isto no fundo, por um lado, pelo glândular, há uma autêntica subversão dos sentimentos, por outro, pelo dos tempos sustentados em grande teorias sociológicas, há uma completa frustração desses mesmos sentimentos.

Pois muito bem, já que a palavra foi definitivamente dividida, e pelos vistos, e até parece, não haver nada a fazer, ultrapassando os efeitos ímanes que caracterizam as atracções de que a natureza nos dotou, objectivamente, só através da «(por alguém obviamente...lol)», chegamos à grande contradição da vida: a limitação de definir uma simples atracção, que de simples não tem nada.

Sendo assim, atrapaixação, apesar de ficcionado, é o único conceito que conheço, atracção, aquela que propões como trabalho de casa, não conheço, não poderei falar sobre ela.

:|

:)

beijocas

Jotabê disse...

esqueci-me do asterisco.

(1) * esta palavra não existe, já sabes a minha predilecção por inventar palavras.

Ka disse...

Cara Blue,

é mais ou menos por aí é...lol

a tal faísca inexplicável!!!

Beijinhos e bom dia

Ka disse...

Jotabê,

Já cá faltava o teu comentário...hehe

Apesar das gargalhadas dadas não posso concordar com a juntção das duas pois atracção é uma coisa, paixão é outra se bem que possa começar pela atracção. Mas uma atracção não acaba obrigatoriamente numa paixão.

Beijoca ;)

FM disse...

Atracção é aquele instante em que as pernas não mandam, as palavras não saem, a vida não foge... Acontece.
Beijos com Essências.

vsuzano disse...

a atracção?.... é ela falar para mim, e eu nem ouvir o que ela diz....ficando só a pensar nos olhos e na pele...naqueles momentos em como a conheci...

Ka disse...

Francisco e VZusano,

Pensamos todos a mesma coisa mas transmitimos por diferentes palavras não é?

Beijinhos

David Rodrigues disse...

Olá!
Ando a estudar estas coisas da atracção no meu doutoramento em psicologia. Se alguém estiver interessado, visitem o meu link e encontram uns artigos e resumos científicos engraçados :)

http://www.scribd.com/people/view/688203-david-rodrigues