28/05/2007

Cuidado com as prendas!!!

Para quem não saiba, o nosso governo arranjou mais uma forma de patrocinar os ordenados chorudos dos seus "boys", e diga-se que puxaram bem pela imaginação....

Agora cada prenda que se dê, se for de valor superior a 500 € ficará sujeita a imposto de selo...sim é mesmo verdade!!!!
Imagine que perde a cabeça e dá um cheque de 501€ a um sobrinho ou afilhado. Terá de pagar um imposto de selo de 10%!!!!
A partir de agora todas as prendas deste valor têm de ser declaradas e só fica livre de imposto de selo se forem dadas por um parente directo (pai/mãe, avô/avó) mas mesmo assim têm de ser declaradas.

A mim esta medida não me afecta directamente uma vez que não tenho nível de vida para dar prendas deste valor, nem imagino (com muita pena minha diga-se) que alguém me dê uma do género. No entanto o princípio é perfeitamente imoral e mais uma vez fizeram tudo há já quase um ano, ou seja pela calada, e nós assistimos impotentes...´
Fico á espera de ver até onde vai a imaginação desta gente...

17 comentários:

/me disse...

É por essa e por outras assim que tantos portugueses se gabam de conseguir escapar aos impostos. E realmente, do ponto de vista moral, não sei se os posso condenar...

Maria P. disse...

Imaginação ou são medidas sem pés nem cabeça?!

Embora também não me afecte este em concreto:)

Beijinho e boa semana*

KA disse...

/me,

Por um lado concordo contigo. No entanto acho que o mal dos outros não justifica o nosso...

Beijinho

KA disse...

Maria,

É mesmo imaginação. Estas medidas são bem pensadas como forma de manterem a "máquina" em funcionamento, acredita!!!

Beijinho :)

/me disse...

Tens razão, Ka. Por mim, pago sempre os meus impostos todinhos. Mesmo aqueles que "ninguém" paga. Mas compreendo aqueles que se escapam a alguns. É que de facto o Estado não é pessoa de bem...

KA disse...

/me,

Pois não é não.
Mas sabes ...a culpa também é de quem o mete lá e depois fica sentado no sofá a queixar-se em vez de exigir responsabilidades...

Miguel Reis Cunha disse...

Lá começa toda a gente a dar 2 cheques de 300,00 € para contornar a lei.

KA disse...

Pois é Miguel,
mas neste caso eu faria o mesmo pois é ridículo este imposto!

Beijinho

Porca da Vila disse...

Mais um exemplo ridículo da capacidade inventiva da cambada de alorpados a quem o Povo, por engano, entregou o Poder...

Um Xi da Porca

KA disse...

Porca,

Pior do que isso é o facto de isto apenas servir os seus interesse e não ser para pôr o país em ordem...


Um xi da ka

Porca da Vila disse...

Olá Ka,

Ainda não me fecharam o blog, mas vê só o que a Ministra da Educação andou lá a fazer... Snif...

http://www.netdisaster.com/go.php?mode=cow&url=http://braganzonia.blogspot.com/

Um Xi da Porca

[os três posts acima eram meus, mas tive de os apagar porque o 'Blogger' ao gravar o comentário alterava o endereço, que depois não funcionava. Podes apagá-los de vez. Desculpa o incómodo]

Porca da Vila disse...

os três... comentários, logicamente!

Hoje parece que estou 'taralhoca'. Foi da visita da ministra!

Outro Xi

KA disse...

Ó Porca,

Só tu...lol

Um xi da ka

GP disse...

Os governantes estão lá não para governar o país mas para se governarem. Os portuguees também têm culpa. Lamuria mas não age. Perante atitudes como esta, pragueja, diz meia dúzia de asneiras mas... mais nada.
Lá terei que mandar um mail ao PM. Não adianta porque estou praticamente sozinha mas fico com a consciência tranquila de ter cumprido a minha obrigação enquanto cidadã.
Beijinho, ka.

KA disse...

Graça,

Como te compreendo!!! É verdade, estou farta de bater na mesma tecla: somos um povo demissionário!
Limitamo-nos ás lamúrias mas fazer alguma coisa para exigir o que é nosso por direito já daria muito trabalho...

Beijinho

Liliana F. Verde disse...

Ainda não tinha ouvido esta... mas a semana passada vi, na televisão, que estavam a pensar cobrar 1€ por cada levantamento com cartão multibanco. Alguém acha isto normal?

KA disse...

Liliana,
Isso já acontece em Espanha e á uns anos largos. Até me espantei por termos tido estes anos sem ninguém se lembrar de introduzir esta taxa.

E sim, acho um roubo mas é a tendência geral...

Beijinho